O item number e o cinema indiano

Quem assiste filme indiano, seja em hindi ou outra língua regional, já deve ter reparado que em quase todos os filmes, há um vídeo clipe de alguma moça dançando de forma sexy e provocativa com um monte de homem em volta e, sempre, ao som de músicas com duplo sentido. Geralmente, estes vídeos nada tem a ver com o filme em si, mas alguns, são usados como link para alguma cena, também.

Os item numbers, como são chamados por aqui, surgiram há muitas décadas, mas não se sabe bem a origem do nome. O nome em si, já é pejorativo, pois é um termo usado em Mumbai quando um homem quer dizer que uma mulher é boa, tem corpão, etc.

Muitas garotas sonham em aparecer em item numbers em algum filme, porque isso pode alavancar a carreira delas de forma impressionante! Muitas atrizes já conhecidas de Bollywood, como Kareena Kapoor e Katrina Kaif fazem vários item numbers fora de seus filmes, o que gera milhares de dólares em suas contas. Já outras, não conseguiram ser grande coisa como atrizes, mas conseguiram consagrar-se nesses itens numbers, sendo sempre muito requisitadas para tal.

Os item numbers, claro, recebem bastante crítica, não só por tratar a mulher como um objeto de prazer e entretenimento dos homens, mas principalmente, por se inspirar na dua realidade das dançarinas de bares aqui da Índia, sobretudo em Mumbai. E, nem tentem criticar, porque no Brasil temos coisa muito pior e vulgar, como era o É o Tchan, com Na boquinha da garrafa e tudo mais. Hoje, por exemplo, temos a Anita, que apesar do sucesso, para mim, é bastante vulgar. Então, críticas à parte, vamos conhecer alguns famosos item numbers.

Das antigas….

As indústrias cinematográficas indianas de outros estados também não ficam para trás:

Anúncios

5 comentários

  1. Aquela música da abertura da novela Caminho das Índias também é esse tipo. Acho que esse estilo faz lembrar aquilo que no Brasil era conhecido como “música de cabaré”.
    Abraços!!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Oi, Ju!
    Buscando na mente através dos meus conhecimentos de inglês, acho que “item number” deve se referir exatamente à essa objetificação da mulher que você falou. O “number” significa apresentação musical. E “item”, infelizmente, é o item disponível à vista – a mulher que está dançando. Geralmente chamam de “dance number” ou “musical number” no ocidente.

    Fazendo paralelos com o Brasil e sem julgar se um é melhor que o outro, objetificação da mulher existe em qualquer canto desse mundo: Brasil, Índia, Japão, Estados Unidos… A forma como se faz pode ter suas diferenças, mas a raiz é igual. Beijos!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Ai, ai, Banjara!
    Muito engraçado e tão ingênuo perto dos bailes funk que temos.
    Agora já sei o que é pra se fazer com esses meninos indianos bonitinhos que ficam assediando as mulheres mais velhas: usá-los como item numbers enquanto não começa o filme principal.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s