Teste de virgindade na Índia

Eu sempre digo que a Índia é um país que por mais que se viva aqui, a gente nunca enjoa, porque a cada dia é tanta descoberta e novos choques culturais, que você sempre se sente “viva”.

Hoje pela manhã, abri o jornal e me deparei com esta notícia!

Moça que falhou no teste de virgindade volta para o marido“.

Não sei lhes dizer se fiquei mais chocada com o fato de ela ter passado por um teste de virgindade ou por ter voltado para o marido (o que nos faz entender que ele a abandonou por este motivo).

Bem, vamos entender melhor a estória, minha gente. O incidente ocorreu aqui mesmo no estado onde eu moro, em Maharashtra (só Mumbai é moderninha, ou finge ser, pelo menos). Uma moça de 20 anos, de um vilarejo aqui da região foi abandonada pelo marido e presa em um quarto porque falhou em um teste de virgindade sugerido pelo panchayat local, que é o grupo administrativo, o clã de cada vilarejo.

virginitytest1

O porquê do teste: a tribo (sim, eu disse tribo) a qual ambos os noivos pertencem, tem o bizarro costume de testar se o hímen da noiva estava mesmo intacto antes do casório. Segundo a tribo (e como é tradição em muitos países do Oriente Médio e África), o vilarejo inteiro fica esperando do lado de fora enquanto o casal mantém sua primeira relação sexual sobre um lençol branco. Porém, o imbecil, digo, marido, não sangrou após ou durante o ato sexual.

virginitytest2

Sendo assim, os membros do clã, mais que imediatamente anularam o casamento, alegando que a moça já era de segunda mão. A moça jurou que era virgem, mas que não sangrou devido a série de exercícios aos quais se submeteu quando fez um teste para ser policial.

E os sogros?

inlaws

Imediatamente, arrancaram todas as suas jóias e levaram embora para casa. A noiva e sua mãe abriram um caso na polícia contra este ato, acusando a família do noivo de roubo.

O pai da noiva

Ao invés de proteger a filha, o pai da noiva quis proteger a sua própria honra e, confinou sua filha e esposa em um quarto e levou todos os celulares, para que elas ficassem incomunicáveis. O pai alegou que ter a polícia envolvida no caso seria uma vergonha para sua casta.

O clã e sua brilhante idéia

panchayat

O clã, então, teve a brilhante idéia de que a moça deveria passar por um novo teste para ser julgada inocente. O teste consiste em amarrar um pano na parte superior ou inferior de seu corpo e, ela teria que correr pelada, enquanto os membros do tribunal da casta iriam correr atrás dela, arremessando bolas de farinha quente em seu corpo. (não, gente, não é um filme). A noiva, claro, recusou a proposta indecente.

Uma ONG está tentando fazer com que o pai da moça a deixe levar o caso à polícia.

O final da estória

Apesar de ter sido bastante corajosa, é muito difícil ceder à pressão imposta pela família, religião, casta, clã, etc. Sendo assim, temendo que seu ato de bravura traga vergonha às suas irmãs e as impeçam de achar um bom pretendente para casar, a noiva voltou para o marido e decidiu não levar o caso à polícia. Ela disse que conversou com seu marido e que ele pediu perdão. Sendo assim, ela decidiu não levar o caso à polícia.

yogita_060216041951

Porém, conhecendo um pouquinho da Índia, eu posso afirmar para vocês que a vida desta moça vai ser um inferno daqui para a frente, seja por parte dos pais do noivo ou dos próprios pais dela. Não me espanta se algum dia desses ela aparecer morta por aí. Aliás, considero até de muita sorte o fato de ela ainda estar viva.

Minha intenção com este post, todavia, não é denegrir a imagem da Índia, muito menos fazer com que nossos leitores achem que toda a Índia é assim. Vocês, que acompanham meus posts e vídeos sabem que a Índia é uma colcha de retalhos. Ela tem tecnologia de ponta, satélites no espaço, cidades moderníssimas…Mas, também tem muita pobreza, muita ignorância, muito apego a religião e a costumes tribais e muita ganância.

Portanto, você, moça brasileira que está envolvida até os fios de cabelo com os indianos da internet, muito cuidado para não acabar escolhendo uma pessoa que vem de um vilarejo primitivo, com tradições primitivas as quais você nunca ouviu falar na sua vida. Mas, as quais você terá que seguir à risca, caso decida se casar aqui e ir morar com ele.

Bom, gente, vou até tomar um cafezinho, porque esta notícia foi demais por hoje. É notícia digna do Indiagestão, hein!

Um abraço e até a próxima!

Por Banjara

 

Anúncios

12 comentários sobre “Teste de virgindade na Índia

  1. HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHA… Banjara, esse post está com tudo e não está prosa…rsrsrsrrsrs… estou rindo até agora. Mas, falando sério, esse teste da virgindade é mesmo relatado na Bíblia, entre os primeiros judeus. É desse jeito mesmo: o casal entrava numa tenda especialmente preparada para essa primeira noite, noite de núpcias, deitavam em lençóis brancos e o resto da comunidade ficavam sentados no lado de fora esperando o ato terminar… Bem, que situação constrangedora, né? Depois, no dia seguinte, o noivo saía da tenda trazendo o lençol manchado de sangue… E todos se alegravam. Caso a noiva não conseguisse sangrar, o casamento era anulado e a noiva caia em desgraça… tadinha! Quanto à honra do pai, lembrei do meu pai: tudo o quê nós, as filhas fazemos, ele grita logo: ‘não manchem a minha honra’. No Brasil também existem esses homens machistas… Pobre de nós, mulheres! Sobre a ganância indiana, eu tive analisando outro dia: se os pais precisam comprar maridos para as filhas a peso de ouro, eles tem sim, que se desdobrar para juntar MUUUUUIIITOOOO dinheiro… não vejo isso como ganância é sim como necessidade urgente. Afinal, o tempo passa voando… e as mulheres tem prazo de validade para ter os 10 filhos que eles querem…rsrsrrsrsr E, finalmente, descobri que não passei em mais um teste para ser…vamos dizer…namorada do meu amigo indiano, sulista, escurinho e lindo de morrer… oh, céus! Não será casada com indiano que irei conhecer a ìndia… hahahahahhahahahhahaha

    Curtido por 1 pessoa

  2. HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHA… Banjara, esse post está com tudo e não está prosa…rsrsrsrrsrs… estou rindo até agora. Mas, falando sério, esse teste da virgindade é mesmo relatado na Bíblia, entre os primeiros judeus. É desse jeito mesmo: o casal entrava numa tenda especialmente preparada para essa primeira noite, noite de núpcias, deitavam em lençóis brancos e o resto da comunidade ficavam sentados no lado de fora esperando o ato terminar… Bem, que situação constrangedora, né? Depois, no dia seguinte, o noivo saía da tenda trazendo o lençol manchado de sangue… E todos se alegravam. Caso a noiva não conseguisse sangrar, o casamento era anulado e a noiva caia em desgraça… tadinha! Quanto à honra do pai, lembrei do meu pai: tudo o quê nós, as filhas fazemos, ele grita logo: ‘não manchem a minha honra’. No Brasil também existem esses homens machistas… Pobre de nós, mulheres! Sobre a ganância indiana, eu tive analisando outro dia: se os pais precisam comprar maridos para as filhas a peso de ouro, eles tem sim, que se desdobrar para juntar MUUUUUIIITOOOO dinheiro… não vejo isso como ganância é sim como necessidade urgente. Afinal, o tempo passa voando… e as mulheres tem prazo de validade para ter os 10 filhos que eles querem…rsrsrrsrsr E, finalmente, descobri que não passei em mais um teste para ser…vamos dizer…namorada do meu amigo indiano, sulista, escurindo e lindo de morrer… oh, céus! Não será casada com indiano que irei conhecer a ìndia… hahahahahhahahahhaaha

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oi, Sonya! Obrigada pelo comentario! Este tipo de tradicao judaica que se encontra na Biblia, ainda eh presente em muitos paises do Oriente Medio. Na India, so alguns grupos tribais seguem esta tradicao. Em relacao a “comprar os maridos”, se eh para gastar tanto dinheiro assim, seria melhor usar o dinheiro economizado para investir nos estudos das filhas, ao inves de entregar todo o dinheiro nas maos da familia do noivo e deixar a filha largada em uma familia que so a tratara bem dependendo de quao alta esta quantia for. Para mim, o melhor marido continua sendo o estudo e o trabalho. Casamento eh apenas consequencia e conveniencia. Pena que a maioria ainda nao pensa assim por aqui. Em relacao as estrangeiras, a maioria dos indianos ja nao espera que sejam virgens. Portanto, nossas leitoras nao precisam ficar preocupadas. Mas, se forem virgens, certamente, o indiano vai ficar muuuito feliz!

      Curtir

      1. Concordo com você sobre a situação da mulher. Sempre fomos pobres e meu pai sempre dizia que o único legado que ia deixar para nós, o filho e as filhas, era o estudo e uma profissão. Mesmo com toda a dificuldade todos concluíram os estudos secundários e quase todos fizeram faculdade. Hoje todos sobrevivem do trabalho profissional, inclusive as mulheres. Graças a Deus que nossa realidade é outra. Um abraço e bom dia!

        Curtido por 1 pessoa

      2. Parabens ao seu pai, que deixou a melhor heranca para os filhos!Nao ha melhor liberdade do que poder usufruir do seu proprio dinheiro, sem ter que pedir nada a ninguem!Um abraco!!!

        Curtir

  3. Apenas gostaria de perguntar ao sábios anciões como que alguém correndo pelada de bolas de farinha vai provar sua virgindade fazendo isso!? Não faz sentido nenhum.

    Curtir

  4. Nossa que tristeza! Essa moça pode ter sofrido abusos quando criança, e não sei de onde tiram que deve haver sangramento na primeira vez. E a proposta que fizeram pra ela? Fiquei chocada! Beijos!

    Curtido por 1 pessoa

  5. Quando li a parte que disse que ela voltou ao marido pensei “ela está perdida, só Deus para operar um milagre na vida dessa moça, ela vai sofrer muito”. Triste isso ela poderia até mesmo ter sofrido um abuso quando criança, e a gente sabe que nesses vilarejos não existe nenhum santo.

    Vi alguns meses atrás uma notícia envolvendo uma estrangeira que tinha sido morta e o ex marido dela alegou que ela havia escondido coisas dele. Provavelmente foi a virgindade pois o fato ocorreu logo após o casamento.

    Abraços

    Curtir

  6. Estive na India (Mumbai e Cochin) e arredores. Realmente eh ilusorio pensar que a India tem uma populacao saudavel, pura e inteligente. Casos excepcionais (bolsoes de tecnologia, urbanismo) considerados padroes para paises do primeiro mundo ocorrem tambem, mas precisamos rever a imagem de pureza, religiosidade e demais caracteristicas culturais da India.

    Curtir

  7. Oi Ju, pois é, não me surpreendi, pois também já soube de casos de pessoas amigas de amigos que foram mortas por diferenças religiosas. A India sempre vai nos surpreender, pois é um país de contrastes, tanto para o bem quanto para o mal.
    Hahaha sobre o Indiagestão, não vai tardar e essas notícia vai aparecer por lá também!
    Beijocas,
    Ana

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s