Amor sem fronteiras – Nova seção do blog

indianbrideOlá, pessoal! Em um dos nossos últimos posts, pedi que caso alguém tivesse uma estória de amor (bem sucedida ou não) com indianos, árabes, etc., que nos enviasse, autorizando assim, sua publicação.

E, uma de nossas leitoras atendeu nosso pedido, abrindo o coração  para nos contar sua estória de amor, ainda em andamento. Primeiramente, agradecemos de coração a confiança depositada em nosso blog. E, em segundo, peço aos outros leitores que leiam com atenção e, caso queiram comentar, que procurem fazê-lo com bastante educação e bom senso. Ofensas não são permitidas aqui no blog. Toda opinião e crítica é bem-vinda desde que não ofenda o autor e protagonista da estória.

Então, sem mais delongas….vamos à estória da Regina (nome fictício), de São Paulo, que conheceu um indiano através da internet que mudou sua vida.

………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

Olá Juliana,

Já te escrevi diversas vezes, mas não canso de ler seu blog.. de todos que acompanho, sinto que o seu tem mais verdades.. para o bem ou mal.. sobre os indianos e a India.

Em 2013 baixei uma app para adicionar pessoas e praticar inglês, minha situação naquela época era de casada a 13 anos, com 2 filhos (sendo um de 11 e outro de 1 ano),  comecei contato com uns árabes, turcos e indianos. Na maioria todos so queriam sex chat, e so com o tempo eu descobri isso, principalmente quando eu falava minha idade e que era casada (ahh eu tinha 34 anos)..

Enfim, estava eu na minha vida chata e com amizade com um árabe e um indiano, ambos bemm mais novos, mas era so amizade, então continuei  a minha conversa e a pratica do bendito inglês..

Em meados de Setembro/2013 recebo a solicitação de amizade de um indiano com uma foto engraçada.. nada atraente.. e a minha primeira impressão foi: – “Se ele cara coloca essa foto no perfil.. no mínimo ele é engraçado..” e added. A partir desse dia nunca mais parei de falar com ele.. quando eu acordava.. tinha mensagem dele.. no meio do dia.. no final do dia.. ele era realmente divertido e me contava tudo sobre a cultura indiana (que sempre gostei.. principalmente do hinduísmo).. Dias se passaram e ele me perguntou: “Como seu casamento é estranho, onde vc está, seu marido nunca está, e quando vc está com seus filhos, ele tbm não está..) .. nesse instante caiu uma ficha… “Que casamento era esse?!

confused2

Não demorou muito, em Janeiro/2014 nos separamos, não digo que foi por culpa do Indiano, mas foi o que ele disse que me fez abrir os olhos.. Não tivemos briga.. nada.. foi um acordo super amigável..

Quando contei para meu amigo Indiano, que nessa época já me contava sobre as mulheres que a família estava escolhendo para casar com ele, ele parou.. e disse, – “Sorry”.. eu falei : -“Nada de Sorry.. eu estou feliz..”

Então as conversas ficaram mais ativas, passamos mais tempo no whats (so trocando fotos,momentos, historias).. quando um dia eu contei para ele que estava com ciúmes pq ele so ajudava uma amiga dele la e não tinha mais tempo pra mim, não passou 2 dias para ele falar que eu era o “Asset” dele.. so respondi assim: –Oi? O que significa isso? ” Rsrsrsrs realmente não tinha caído a ficha.. e ele soltou um “I love you”.

caminho

Anteriormente, nos já tínhamos discutidos sobre o assunto de amor virtual, que ele achava uma idiotice e eu defendia.. ele dizia que tem cai em amor virtual não tem cérebro.. ahahaha foi então que eu respondi: – “Você não tem cérebro?” Rsrsrs

Isso foi em meados de Fevereiro/2014, então tomei uma decisão, vou para a India.. e fui.. em Maio/2014 estava eu la.. fui considerada louca, sem cabeça, a mãe desnaturada, mas na minha cabeça estava assim: Passei tantos anos da minha vida infeliz, porque não vou tentar ser feliz agora? Seja o que Deus quiser..

Nunca tínhamos feito vídeo chat.. apenas fotos.. da minha família e dele.. a família dele era um mistério para mim.. por que ele sempre falou do pai e da mãe, mas nunca mandou fotos…

Desembarquei em Bangalore, ele mora em Thiruvanathapuram (Kerala), e foi de carro me buscar. Antes disso ele brigou comigo pq eu escolhi Bangalore, e eu respondi simplesmente porque tenho conhecidos la..

Sou louca mas nem tanto a ponto de ir na cidade dele e sem nenhum conhecido por perto (rs)…

Foi a emoção mais forte que eu senti na minha vida, quando sai do aeroporto e o encontrei.. sem abraços, muito menos beijos rsrs

Era ele.. era meu indiano.. ele dirigiu 800 km para me encontrar.. era ele da foto.. e o sorriso dele era lindo!! A voz.. tudo…

Tudo saiu perfeito, ficamos em Karnataka por 3 dias, depois fomos para Kerala, e por fim voltei para Bangalore para pegar meu voo para o Brasil.. e ele ficou comigo o tempo todo.. cuidou de mim.. me deu comida na boca.. rsrs

bangalorekerala

Na cidade dele, fiquei em um hotel, ele me mostrou a casa de longe e ainda falou, minha mãe está indo para o Templo agora.. enfim, não conheci ninguém.. já entendia o peso da cultura dele, e tbm não cobrei nada..

O pior foi o depois, chegar no Brasil e não saber quando iriamos nos ver de novo.. Voltei de la com a proposta de casamento, mas sem data..

Desde la, ele tenta vir pra cá, e não está fácil, por conta do visto, dinheiro, e o fato dele largar os pais (ele é filho único)..

Já conversei com os pais dele por vídeo chat.. foram uns amores.. mas eu sou apenas a “amiga brasileira”…

Não posso morar na India por causa dos meus filhos, seria difícil para todos, então ele decidiu vir morar aqui..

Vou encontra-lo em Outubro, e espero de não demore muito para ele vir por definitivo.. mas vivo um dia de cada vez.. se ele não vier.. se a pressão da família for maior e ele casar lá.. eu não penso nisso.. quando acontecer eu sofro meu bocado e sigo a vida..

couple

Bjs

…………………………………………………………………………………………………………

Bem, este foi o sincero depoimento da Regina. E você? Também gostaria de compartilhar sua estória conosco? Só escrever para juinjapansince2007@gmail.com!!!Seu nome será mantido em completo sigilo.

Um abraço e até a próxima!

por Banjara Soul

Anúncios

7 comentários sobre “Amor sem fronteiras – Nova seção do blog

  1. Bom eu tenho uma imensa dúvida , eu tb tenho 2 filhos e sou separada tenho 32 anos , conheci um indiano lindo de 29 que é de Bombaim, ele não tem mãe falecida só o irmão mais novo adulto , vive pedindo para eu ir para Índia ve-lo,mas tenho muito receio de ser humilhada devido a cultura , mesmo ele parecendo ser bem tranquilo por motivos de ser mãe solteira e estrangeira , não falo direito inglês e não conheço ninguém por lá, mas fico muito tentada a ir conhecer , seria missão suicida ? Rsrsrs

    Curtir

    1. Oi, Ana! Obrigada pela visita ao blog. Eu sempre recebo mensagens semelhantes a sua e me pergunto: Porque eles sempre pedem para a mulher se descolar ate a India e nunca mencionam em ir ate o Brasil conhecer a moca? Se for por questoes financeiras, ate entendo, mas a maioria sempre pede para que a mulher venha. Acho que mesmo que ele nao possa ir ate o Brasil, os dois poderiam se encontrar em um outro pais mais proximo e que fique no meio do caminho para ambos. E, voce mencionou que nao fala direito o ingles e nao conhece ninguem em Bombaim (Mumbai). Nao precisa ser fluente, mas voce consegue se comunicar em ingles? Em Mumbai (Bombaim), se a pessoa nao fala hindi ou marathi, so sobra o ingles como opcao de comunicacao.Nao creio que seja missao suicida, ainda mais porque as pessoas aqui sao muito prestativas, mas acho uma folga da parte desses caras querer que so a mulher se desloque. Porem, entendo a curiosidade que nasce quando a pessoa ao conhece a outra pela tela da internet, mas ha quanto tempo voces se comunicam? Sera que vale mesmo a pena se deslocar ate a India por causa dele? Nao acho que so o fato de ele ser lindo seja o suficiente para que voce venha ate Mumbai. Afinal, indiano lindo eh o que nao falta por aqui. Espero que nao tenha ficado chateada com minha sinceridade. Sei que a decisao final eh sua, mas tentei apenas jogar algumas questoes importantes, porque sei que a maioria nao pensa sobre isso, ja que a empolgacao de estar “namorando” um indiano sempre vence. Bom, espero que voce saiba escolher o que eh melhor para voce. Um abraco e boa sorte!

      Curtir

  2. Gostei da história, é bacana quando vemos brasileiras que realmente entendem as faces feias e bonitas da cultura indiana e no entanto se arriscam. Não é porque o rapaz é indiano que ela não possa ser feliz, no fim ele é mais um estrangeiro como qualquer outro americano, canadense e por aí vai.

    O que mais admiro é a coragem e principalmente a sabedoria de não esperar o mundo em troca de um relacionamento, é bonito isso quando a pessoa arrisca a chance, mas também se prepara para o fracasso de forma tranquila.

    Se não der certo Regina, tudo bem, tem outros indianos e brasileiros, europeus…. e segue relação. Muita felicidade para vocÊ e seu amor!

    Ps: Obrigada Juliana por dividir conosco histórias tão legais!

    Beijos&Abraços,
    Leticya Gontijo.

    Curtir

    1. OI, Leticya!!Obrigada pelo comentario!!Sim…acho que isso mostra a maturidade da pessoa, ja que amar e ser amada eh algo tao belo e profundo que o resto da estoria nao faz muita diferenca, ne? Um abraco!!

      Curtir

      1. Linda história… queria viver uma igual.
        Toda a sorte do mundo para você, e não se esqueça ninguém se arrepende de lutar pela felicidade.

        Curtir

    1. Oi, Natalia!Olha…sua pergunta daria um post, viu?? Hehehee…Bom, nao posso dizer por todos, mas no geral, eles sao ciumentos quando namoram, quando casam….Essa coisa de ter amizade com rapazes ou sair com eles, que eh comum no Brasil, aqui…esquece!Isso claro: Se voce estiver namorando um indiano. Beijos!!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s