É proibido beijar!

Olá, pessoal! Eu tinha lido esta reportagem ontem no Times of India, mas agora vi que já tem em português e aproveito para compartilhar com vocês.

Um bafafá está acontecendo lá no Sul da Índia com direito a polícia e manifestantes. O motivo? Um beijinho. E nem foi no ombro!

beijinhonoombro

Leiam a notícia aqui:

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2014/11/protesto-na-india-em-defesa-do-beijo-em-publico-termina-com-40-presos.html

Bom, gente, aqui em Mumbai já vi alguns casais compartilhando carícias mais “calientes”. Basta ir até o famoso BandStand, em Bandra, que você verá todos os pombinhos lá. Mas, o beijo polêmico não aconteceu em Mumbai e sim, no Kerala, que apesar de suas belezas naturais e povo bastante amistoso, é super tradicional sim e um beijo pode ser o início da discórdia. Mas, mesmo em Mumbai, você vê casais moderninhos se beijando, mas a maioria é rica, abastada e com pais que podem pagar os policiais caso estes tentem pará-los ou interrogá-los.

bandstand1
Eu não sou adepta do beijo público e nem no Brasil eu era, mas não concordo com o que está acontecendo no Kerala.Não entendo como um beijo pode causar tanto furor e revolta e uma criança te pedindo comida no sinal de trânsito entre outras mazelas não ganham tanto destaque.
Para variar, O Shiv Sena está metido nisso. Não sabe quem são eles? Os mesmos que quebraram tudo e incendiaram bancas de flores no Valentines Day algum tempo atrás. São os radicais hindus e os que dizem prezar pela moral e preservacao da cultura indiana. O grupo islâmico também estava nessa, né? Engraçado é que ambos se odeiam, mas como têm valores bem parecidos em relação a moral e conduta, ficam até amigos nessas horas, né?

Portanto, fica aí a dica: Pode ir passear no Kerala com seu amor, mas deixem os beijos para dentro das 4 paredes.

beijinhonoombro2
O que Valesca Popozuda diria de tudo isso?

Um abraço e até a próxima!

por Tabibito

Anúncios

5 comentários

  1. É um extremismo bem difícil de se julgar, aqui no Brasil muitas situações vejo como extremista porém oposta a essa cultura aqui a liberdade se torna libertina e desnecessário pois a intimidade é muito boa pra quem participa dela mas para quem está de fora não, também não sou adepta a intimidades em publico seja ela homo ou hetera e aqui nas ruas principalmente nos centros os namoros parecem mais cenas de teatro onde a necessidade de se chamar a atenção é tão grande que chega a ser absurda,

    Curtido por 1 pessoa

    • Por isso acho difícil as vezes criticar situações dessa, quando vivemos um oposto que também trás muitos danos sociais, onde aqui podemos ver explicitamente que famílias não tem mais convivios entre si, respeito, adulterio é sinônimo de virilidade e motivo de orgulho, onde se a pessoa quiser guardar algum valor moral ela é antiquada, atrasada e “recalcada” onde o errado virou o certo e vice e versa, portanto digo que é difícil julgar e se escandalizar com muitas coisas, quando o ser humano é tão preocupado em inibir ou incentivar a sexualidade e deixa tantas coisas a desejas em tantas outras coisa que julgo como primordial assim como vc citou, violência, miséria, estupro, meio ambiente etc. Obrigada pelas abordagens que muito nos leva a refletir.

      Curtido por 1 pessoa

      • Obrigada!!!Sim..eu fui criada no Brasil e sofri bastante com estes “rotulos”, ate mesmo dentro da minha familia. Aqui na India, meu comportamento seria considerado “virtuoso”, mas no Brasil eu sempre fui taxada de mole, bobona e as vezes…ate de lesbica!! Muito complicado isso.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s