Quero aprender japonês, mas o que vou fazer com isso? – Parte 1

japan4
Bem, este post eu resolvi escrever após uma auto-análise de minha vida e carreira e quando me dei conta de que praticamente tudo que consegui nessa vida foi graças ao fato de saber o idioma.
Como muitos sabem, eu comecei a estudar a língua japonesa aos 14 anos e desde então (já são quase 20 anos!!), não fiz nada na minha vida que não tivesse uma relação com o idioma.
Quando comecei nessa brincadeira, ainda era raro, principalmente no Rio de Janeiro, pessoas que estudassem o idioma e não fossem descendentes de japoneses. E, na época, ainda não tínhamos enfrentado aquela febre de anime e mangá. Então, as pessoas que procuravam este curso, em sua maioria, eram comissários de bordo ou outros profissionais especializados em outras áreas e que optaram pela língua japonesa para fazer um upgrade na carreira.
No meu caso, era um vício e eu cismei que queria porque queria aprender japonês e ir para o Japão. Essa minha paixão pela Ásia começou cedo e o Japão foi a 1ª vítima.
japan1
Mas, voltando ao assunto…
Hoje, o perfil da pessoa que busca uma aula de japonês mudou bastante. A maioria faz parte da geração anime, mangá e j-pop. E, arriscaria dizer que 90% dos estudantes hoje não são descendentes de japoneses.
Se você quer aprender japonês e não está com muita pressa para ficar fluente, deve procurar um dos cursos oferecidos pelo ICBJ (Instituto Cultural Brasil-Japão), onde estudei e dei aula, Escola Modelo de Língua Japonesa (Associação Nikkei) , Kumon e outros cursinhos. Estes nomes aí são para quem mora no RJ. Depois eu deixo uma lista com os nomes de cursos e escolas onde dá para aprender bem o idioma.
Mas, se está sofrendo do mesmo vírus que eu sofri um dia e pretende levar este relacionamento à sério, a melhor opção é se especializar no idioma. Ou melhor, prestar vestibular para alguma universidade que ofereça bacharelado ou mais no idioma.
Seja no 1º ou 2º caso, uma coisa é certa: Você vai ter que ralar muito!!Não adianta querer levar o curso de japonês como você leva o de inglês, espanhol ou italiano. Para estas línguas ou qualquer outra, você tem que se esforçar, mas para o um idioma como o japonês, você precisa dedicar o dobro ou triplo do tempo que dedicaria a idiomas como os que eu citei acima.
Mas…porque tudo isso?
japanese1
Primeiro, porque aprender japonês é aprender a pensar e a formar frases ao contrário do que você está acostumado. Por exemplo:
Em português, para dizer que você estuda japonês, você diria.
Eu estudo japonês (sujeito + verbo + objeto)
Em inglês, você diria na mesma ordem: I study Japanese. (sujeito+verbo+objeto)
Mas, em para dizer a mesma coisa em japones, voce diria:
Watashi wa nihongo wo benkyou shimasu.
(sujeito + objeto +verbo)
Ou seja, a ordem da frase é exatamente o contrário da que você estava acostumado a usar por todos estes anos. E até o cérebro se acostumar a este sistema, leva um tempinho.
japanese3
Outra coisa imprescindível se você quer se especializar no idioma, é aprender não só 1, mas os 3 alfabetos que compõem o idioma (hiragana, katakana e kanji). Mas pra que tudo isso? Quando você começar a aprender, você vai ver que eles são altamente necessários, principalmente o kanji, pelo fato de a língua japonesa ter milhares de pares de sons iguais e que diferenciam justamente através destes caracteres.
japanese2
Só para você ter uma idéia, para ser considerado alfabetizado no Japão, você necessita saber ler (escrever já é outra estória!) os 2,136 kanjis considerados obrigatórios pelo governo japonês. Na época que comecei a estudar, eram apenas (?)1945 ideogramas, mas recentemente, o governo japonês de educação incluiu mais uns duzentos e poucos na lista. Falando assim, dá a impressão de que o número aumentou, mas a verdade é que eles apenas incluíram na lista de ideogramas oficiais, aqueles que todo mundo conhece, sabe ler, escrever, são super usados, mas simplesmente não constavam na lista.
Ah,sim! Um detalhe muito importante: Geralmente cada ideograma desses possui mais de 3 leituras diferentes e esta leitura vai variar dependendo do ideograma que esteja junto com ele.
Vale a pena lembrar que além destes dois mil e poucos kanjis obrigatórios, ainda há muito mais, mais de 5000, mas isso aí já é outro assunto e, se você ama kanji e acha que dois mil e pouco é pouco, te aconselho a ir para a língua chinesa ao invés da japonesa.
chinese
Outra coisa que vai aparecer no seu caminho, são as inúmeras e complexas formas e níveis de formalidade dentro da língua. Como assim?
Isso é algo complexo, envolve história e não vou incluir aqui, mas basicamente, no pensamento japonês, para demonstrar respeito ao próximo, você se auto-humilha, não só usando expressões formais em relação ao falante, mas, também usando uma linguagem modificada para si mesmo. Por exemplo: O verbo “comer” pode ter 4 formas diferentes, como Kuu (informal e masculino), taberu (genérico e usado por todos), meshiagarimasu (bastante formal, usado quando o sujeito da frase é alguém superior ou mais velho que você) e itadakimasu (bastante formal, usado quando o sujeito da frase é você ou alguém do seu grupo de convívio).
Não, não se desespere! Como todos os idiomas, uma vez que você tenha contato com ele, vendo como ele é usado e em quais circunstâncias, você acaba aprendendo.
Mas, há outras vantagens que o estudante de japonês possui e um estudante de francês, por exemplo não possui: A gramática japonesa não é complexa.Os tempos verbais são simples e não variam de acordo com a pessoa ou número. Você não precisa ficar queimando os miolos conjugando verbos.
Outra vantagem é que em japonês, não se tem masculino e feminino. Isso aliás, para eles, é uma loucura!Como pode uma cadeira ter sexo? Quando ministrei alguns cursos de português no Japão, podia ver o desespero dos alunos quando eu explicava que mesa é feminino e carro é masculino.
Outra vantagem é que não há singular e plural. Há algumas palavras, muito poucas, onde você até pode usar um sufixo indicador de plural, mas se não usar, dá no mesmo e você não precisa se preocupar com isso agora.
japan5
Ou seja:Comemore, porque você não terá que memorizar as variações de plural.
A pontuação na língua japonesa também é bem menos complexa que em nosso idioma.
Viu quantas vantagens? E você aí ainda querendo estudar francês ou alemão?
Seja qual for seu objetivo, se você pretende morar no Japão, fazer negócios com eles ou está de olho em um japinha, saber pelo menos um pouco da língua deles fará com que eles te olhem com outros olhos e se abram mais para você.
No geral os japoneses são fechados e não saem falando com qualquer um, mas quando eles vêm que você sabe se comunicar, nem que seja basicamente na língua deles, isso os deixa mais maleáveis, ainda mais porque eles não sabem inglês e mesmo que saibam, dificilmente você conseguirá entender a pronúncia deles.
japenglish2
japanese4
Morando no Japão, é um must aprender japonês. Vai abrir muitas portas para sua carreira e também vida social.
No próximo post eu continuo a falar mais sobre este assunto.


Um abraço e até a próxima!
By Tabibito
………………………………….

Anúncios

5 comentários

  1. Amo a cultura japonesa e desde criança sempre quis aprender o idioma mas não tinha escolas de japonês na minha cidade ou nas vizinhas. Por isso para mim a maior ajuda na hora de aprendera falar japonês foi fazer vídeo aulas. Estudei com a Preply (https://preply.com/pt/skype/professores-japones-para-iniciantes) e os professores deles, além de serem nativos na língua, são muito atenciosos e dedicados a fazer com que o aluno realmente aprenda.

    Curtido por 1 pessoa

    • Ola, Suzu! Obrigada pela dica! E, fico feliz que esteja gostando da lingua japonesa. Ate hoje, ela eh o diferencial na minha carreira e, gracas a ela,eu sempre tenho trabalho em qualquer lugar que vou! Um abraco!

      Curtir

  2. Oyasuminasai kkkkkk
    Oii eu sou Mylena moro em sp e ameeeiii seu bloog principalmente a parte do Japao..
    Eu morro de vontade de ir pro japao,esse mês irei começar o curso na kumon,assim como li no seu blog realmente todos me desanimam acham que estou louca pra querer estudar tal lingua dizem pra mim estudar ingles eu odeio kkkkkk
    Eu irei fazer 17 anos agora em janeiro queria saber se é tarde para aprender ja que vc começou com 14 e fora q esse é o meu ultimo ano na escola ano que vem quero fazer faculdade de psicologia queria saber se vc acha que eu conseguiria trabalhar a morar no japao … tenho mts duvidas serio 😦 eu nao tenho condiçoes financeiaras mt boas eu trabalho e pago meu curso mais o meu sonho é ir para o japao qual a sua profissao?
    Enfim te admirei pois encontra mt de mim nesss blog e estou tirando mts duvidas com os post , so tenho a dizet Arigatou , obg de coraçao 🙂

    Curtir

    • Oi, Rafael!Obrigada pela visita e comentario! Como este post eh bem antigo, preciso rever nos arquivos se houvr continuacao ou nao. Sim, outro dia tambem achei que estava faltando um sistema de busca no blog. Vamos providenciar isso! Um abraco e ate a proxima!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s