Cirurgia na….

Cirurgia na….língua!!!

frenectomia

Quantas vezes você não olhou para a sua vizinha ou prima fofoqueira e desejou do fundo do seu coração que ela passasse por uma cirurgia na língua? De preferência, para arrancá-la fora. Mas, saiba que já tem gente pagando e..pagando muito bem para fazer uma cirurgia na língua!Só qe não para arrancá-la e sim, para alterá-la.

Alterar a língua? Como assim? Para que finalidade?

Bem, Segundo alguns asiáticos, a finalidade seria a de pronunciar melhor e com fluência as palavras do inglês!! Sim!Já tem pais desesperados e pagando uma nota para ver seus filhinhos falarem rice ao invés de lice.

Como vocês já devem ter lido em vários posts nossos, os coreanos são aficcionados por educação e fazem de tudo para ver seus filhos nas melhores universidades e cursos. E, em relação ao idioma estrangeiro, não é diferente. O próprio Dr. Jung Do Kwang, um otorrinolaringologista, explica: As mães coreanas são loucas por educação e querem que seus filhos sejam fluentes em inglês.

korean2

A operação dura apenas 10 minutos e tem o nome de Frenectomia, na qual eles cortam aquela parte feito uma linhazinha, que temos embaixo da língua. Dizem que com este procedimento, a língua ficaria mais longa e mais flexível. Seria este o procedimento feito por Gene Simmons, da banda Kiss?

genesimmons

A fixação pela língua inglesa é tanta que as autoridades em Seul tiveram que instalar uma hotline na qual as pessoas podem ligar e checar sua pronúncia da língua. Já no mundo dos negócios, muitas empresas começaram a realizar suas principais reuniões em inglês. A maioria das cirurgias (pasmem!), tem sido feitas em crianças abaixo de 5 anos de idade.

korean3

Mas, existe também, quem resolveu fazer o caminho contrário. Sim! Enquanto os coreanos estão doidos para falar inglês, um rapaz cuja língua nativa é o inglês, fez a mesma cirurgia a fim de falar perfeitamente o…coreano!!!

koreanhanbok2

O nome da figura é Rhiannon Brooksbank, de 19 anos. Rhiannon sempre sonhou ser fluente em coreano e viver no país. Mas, acabou encontrando dificuldade em algumas pronúncias do idioma. Sendo assim, a opção que ela encontrou foi recorrer à cirurgia para corrigir todas as dificuldades que teria com a pronúncia.

Segundo os jornais ingleses, o que dificultava a vida de Rhiannon é que ela nasceu com a língua um pouco mais curta do que a maioria das pessoas. E, com a cirurgia, este problema seria sanado.

E aí? Até onde você iria por um idioma? Lembro que minha professora de japonês era muito chata e fazia com que ficássemos horas e horas pronunciando a mesma palavra até que saísse perfeito. Era de fazer chorar e eu mesma já chorei várias vezes. Depois, que eu mesma virei professora de idiomas, eu sempre fui do tipo de queria que os alunos aprendessem a se comunicar, ao invés de ficar perdendo tempo com pronúncia e ritmo. E, só corrigia se a pronúncia estivesse muuuuito longe do original e difícil de compreender. E, não adianta: se você não foi criado num ambiente bilíngue desde a mais tenra idade, por mais fluente que você seja em um idioma, em alguma palavrinha, você vai dar uma escorregada. No caso do japonês, não tem nem como disfarçar, já que, começando pela minha cara todo mundo já sabe que euu não sou dali. O problema dos coreanos é parecido com os japoneses. Focam-se demais na pronúncia da língua inglesa e, no final das contas, não conseguem nem perguntar as horas no idioma!!

Bom, cada doido com sua mania e, cada um gasta o dinheiro que tem da forma que melhor lhe convém, né?

Um abraço e até a próxima!

by Tabibito

Anúncios

2 comentários sobre “Cirurgia na….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s